Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Nesse artigo do blog, nosso intuito é trazer para você, instrumentador, um passo a passo do que fazer desde a entrada no centro cirúrgico até sua saída. Lembrando que cada hospital possui uma rotina, mas de modo geral esses passos podem ser aplicados. Vamos lá?

  1. Chegar com 45 minutos de antecedência
  2. Entrar no centro cirúrgico e se apresentar a enfermeira.
  3. Dizer qual empresa representa e para qual procedimento foi enviado
  4. Conferir material, instrumental e OPME. Se houver divergência, entrar em contato com o executivo de vendas e informar.
  5. Caso não consiga contato com o executivo de vendas, comunicar a enfermeira para que ela entre em contato com o cirurgião afim de solucionar o problema
  6. Se tudo estiver certo, seguir para sala operatória e se apresentar ao circulante de sala responsável.
  7. Informar que o material já está conferido e pedir autorização para pegar os materiais básicos para o procedimento como: gaze, compressa, fios e etc.
  8. Obs: em alguns hospitais o instrumentador não pode solicitar materiais de alto custo e os fios de sutura entram nesse grupo, portanto fique atento!
  9. Aguardar o cirurgião e instrumentar com excelência
  10. Ao termino do procedimento, organizar o material, separar o que é da empresa e o que é do hospital.
  11. Descartar perfuro cortantes no local adequado e conferir compressas e gazes
  12. Desmontar campos cirúrgicos
  13. Conferir gasto cirúrgico com o circulante para analisar se há divergência com o gasto do instrumentador e o gasto do hospital.
  14. Preencher o gasto da empresa, verificar com o circulante a necessidade de preenchimento de outro relatório do hospital
  15. Conferir os materiais com profissional da CME

E após isso, você estará liberado! Sabemos que seus dias são corridos e com muitas emoções, por isso queremos te parabenizar por todo o trabalho!

Quer saber mais?